Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Salve, Chico Buarque!
03/05/2020 18:11 em Coluna do Cordel

O fã clube dele tem mil razões / São milhões para cantar e seguir

Autor: IVALDO BATISTA 

Visite a Coluna do Cordel - CLIQUE AQUI!

 

Quero de vocês toda a atenção

Pra os versos que faço a seguir

Creio ser difícil de conseguir

Cumprir esta missão com perfeição

O cordel é só uma saudação

Que você precisa decuplicar

Me desculpe se você não gostar

Se faltar no poeta a eloquência.

Para descrever com eficiência

Em essência de Chico eu vou falar.

 

Chamei Francorli para desenhar

E talhar Chico na xilogravura

No folheto botei essa moldura

A cultura eu vou representar

Chico Buarque está no altar

Retratar esse cara genial

Tão erudito, intelectual

Talvez eu nem esteja preparado.

Mas no folheto dei o meu recado

Por que acho ele sensacional.

 

Francisco Buarque é conhecido

Dramaturgo, cantor e escritor

Músico, ator e compositor

Nome da MBP tão querido

De gente inteligente é preferido

O cordelista aqui dar testemunho

Nasceu dia dezenove de junho

Mil novecentos e quarenta e quatro.

Tal qual seu fã clube, eu idolatro

Num teatro eu fiz esse rascunho.

 

O Francisco Buarque de Holanda

Veio nascer nessa maternidade

São Sebastião, centro da cidade

Outro dia eu vi lá da varanda

No Largo do Machado a gente anda

Sempre tudo que sei eu compartilho

Chico dos sete, foi o quarto filho

Que nosso Deus do céu predestinou.

Um contexto histórico o revelou

Retratou e mostrou todo seu brilho.

 

Chico é um orgulho nacional

É do Rio essa estrela brilhante

Que o mundo contempla radiante

É um ser humano fenomenal

É essa criatura especial

Que compondo encanta a nação

Suas letras trazem reflexão

Conscientização a todo ser.

Nesse mundo está para nascer

Outro com tamanha preparação.

 

Filho de SERGIO BUARQUE DE HOLANDA

Um importante historiador

Sociólogo homem de valor

Atuou só em cargos na comanda

A mãe de Chico vi na propaganda

É MARIA  AMÉLIA CESÁRIO  ALVIM

No curriculum dela estava assim

Excelente pintora e pianista.

Esses são os pais de nosso artista

Que compôs a Geni e o Zepelim.

 

Ao descrever sua biografia

Nessa tarefa muito me esmero

Chico tem em Marieta Severo

A mulher que ele sempre queria

Estudei a sua discografia

Só de discos eu vi mais de oitenta

O poeta aqui nada inventa

Afinal ouço Chico desde novo.

Ele canta sempre junto ao povo

E por isso seu fã clube aumenta.

 

Natural lá da cidade do Rio

É gigante o cantor Chico Buarque

Quem puder na sua anotação marque

Que o seu trabalho reverencio

Cada composição é um desafio

Muitas vezes o vejo irreverente

Até no deboche é competente

Ele é “um malandro em construção.”

Kydelmir fez essa observação

Pense num sujeito mui competente.

 

Chico ganhou muitas premiações

Pelo menos dez eu posso citar

Festival da música popular

Recentemente o prêmio CAMÕES

Independente das opiniões

Sua obra marcou nossa geração

Retratou em cada composição

Vejo nele as marcas da resistência.

E na alma o carimbo de excelência

Influencia em nossa formação.

 

Chico ganhou diversos festivais

Incluindo o prêmio JABUTI

GRAMMY LATINO ele tem que eu vi

Muitas das premiações nacionais

E até muitas internacionais

Pense num sujeito merecedor

Num contexto ele foi lutador

A canção de Chico assim ensina.

O seu lado na história é uma sina

Mostra ser um sujeito de valor.

 

Ele teve o Prime da cultura

Teve o prêmio da música brasileira

Chico tem uma brilhante carreira

É um cantor de grande envergadura

Quem o conhece faz essa leitura

Chico Buarque é super preparado

Ele é um sujeito estudado

Sabe até cantar em outro idioma.

Isso no conjunto da obra soma

Na cultura é um monstro sagrado.

 

“Gota d’agua” é livro publicado

“Chapéu Amarelo” e “Budapeste”

Mestre Chico é um cabra da peste

Fez “Estorvo” e “Leite Derramado”

Seu trabalho é tão admirado

Vários álbuns compõem sua coleção 

“Vida”, “Caravana” e “Construção”

“Chico Buarque & Maria Betânia.”

“Meus Caros Amigos” até a Vânia

Se derrete: O Chico é sedução.

 

Quando Chico era novo se mudou

Com apenas dois anos de idade

O seu pai foi para outra cidade

Pra São Paulo a família se mudou

O Museu Ipiranga comandou

Isso foi no ano quarenta e seis (1946)

Logo chega o ano Cinquenta e três (1953)

Outra vez a família se mudou.

O pai lá na Itália trabalhou

Como professor lá se satisfez.

 

Nesse ambiente Chico cresceu

Ele teve lá os seus privilégios

Estudou em excelentes colégios

Muitos artistas, ele conheceu

Muitos idiomas, ele aprendeu

Conviveu com intelectuais

Frequentou altas rodas sociais

Foi assim lá pelas nações estrangeiras.

Chico é das elites brasileiras

Que defende interesses nacionais.

 

Foi padrinho de Chico e foi parceiro

Em muitas dessas canções imortais

O poeta Vinícius de Moraes

Que foi um Diplomata brasileiro

Em sessenta (1960) voltou esse guerreiro

Com dezesseis anos chega ao Brasil

É adolescente estudantil

Já sabia inglês e italiano.

No período o Brasil traçava um plano

Nos tais anos o fuzil foi tão hostil.

 

Um ano antes da tal ditadura

Aos dezenove anos de idade

Chico entra na Universidade

Foi cursar Urbanismo e Arquitetura

Só dois anos na faculdade dura

Nessa altura descobre a vocação

Em sessenta e quatro (1964) sua canção

Se tornou um marco inicial.

Enveredou na área musical

Num país que entrou na contra mão.

 

Em sessenta e seis Chico casou

Sua amada é Marieta Severo

Nesses anos preciso ser sincero

A ditadura no Brasil reinou

Quem viveu nesse tempo amargou

A cultura gritava por clemência

Mas havia quem desse anuência

Coniventes com gente tão estranhas.

Chico esteve presente nas campanhas

Enfrentando e plantando consciência.

 

Chico Buarque tem irmãs cantoras

Tem Miúcha e Ana de Holanda

A Cristina Buarque também manda

Essas três mulheres são vencedoras

Chico é o ouro das Gravadoras

Com seu grande fã clube eu converso

Tal como eles, eu me interesso

Sou membro desse público fiel.

É por isso que que afirmo no cordel

Esse Chico Buarque é um sucesso.

 

Sei das gravadoras por que sou fã

Desde menino esse é meu destino

RGE, EMI, BISCOITO FINO

CBS, SOM LIVRE e PHONOGRAM

ARIOLA, PHILIPS e POLYGRAM

BASCLAY, RCA, BMG

Dessa relação digo a você

Tem fã clube que tem a coleção.

Nas vendagens Chico é campeão

O seu fã clube sabe o porquê. 

 

Chico foi resistência à ditadura

Nas canções passou a denunciar

APESAR DE VOCÊ e VAI PASSAR

RODA VIVA mostrou essa tortura

Chico traduziu essa noite escura

Estrutura de uma repressão

O Brasil andando na contra mão

Sua canção foi notoriedade.

Ele profetizou a liberdade

Dando esperança para nação.

 

Ouvindo a canção MEU CARO AMIGO

CÁLICE, a BANDA e outras mais

Essas composições tão geniais

Como tantas pessoas, investigo

Eu persigo a verdade e te digo

Toda canção de Chico é mensagem

É Viagem e traduz a coragem

Todos precisamos compreender.

Só diz isso quem consegue entender

Esse Chico Buarque é bagagem.

 

A canção dele tem sabedoria

É carregada de um sentimento

Como se sentisse cada momento

No cantar tem tristeza e alegria

Ele canta o nosso dia a dia

Percebendo problemas sociais

E as dores as vezes pessoais

Que carrega no peito um semelhante.

Um saber profundo e penetrante

Que desvenda os problemas reais.

 

Ele sabe encantar uma mulher

É só você ouvir SOB MEDIDA

IOLANDA, CAROLINA e VIDA

Há muitas outras se você quiser

Vou mostrar a quem comigo vier

BEATRIZ, CECÍLIA, SEM FANTASIA

FOLHETIM a Gal Costa cantaria

LÍGIA, RITA, LUÍSA e A ROSA.

JOANA FRANCESA canção charmosa

Chico canta em Francês eu nem sabia.

 

Chico faz mulher se sentir rainha

Eu já vi pelo menos umas centenas

Elas cantam MULHERES DE ATENAS

Ouço também cantarem TERESINHA

A mulher sabe, sente ou advinha

Que Chico Buarque é sentimento

A canção dele é um acalento

E tem acento nos corações delas.

Feias ou bonitas se sentem belas

São singelas e Chico é cem por cento.

 

Quantas canções vi Chico juvenil

O CADERNO me faz tão jovial

Adoro ouvir cada musical

Feliz as crianças do meu Brasil

Os pimpolhos adoram seu perfil

Lindas suas canções para crianças

Eu tenho da infância as lembranças

Dos musicais e peças teatrais.

Doces esses tempos colegiais

Músicas que inspiram confianças.

 

Chico tem o seu público infantil

Ö patinho feio” e tantas peças

Com esses pequeninos mil conversas

Ele sabe lidar com estudantil

Chico é gigante feito o Brasil

É patrimônio vivo da nação

Sempre que ouço dele uma canção

Com muitas delas me identifico.

É Francisco Buarque, o nosso Chico

Um orgulho pra todo cidadão.

 

No ano meia cinco (1965) foi lançado

O compacto dele, era o primeiro

Chico cantava o “Pedro pedreiro”

Esse sonho dele temos sonhado

Esperei esperança estou cansado

A mensagem de Chico está no ar

Olha quem o Chico foi encontrar

Conheceu João do vale e Taiguara.

Esse Chico é grandeza é joia rara

Quem entende sabe valorizar.

 

Os parceiros de Chico são demais

Milton Nascimento e Tom Jobim

Ruy Guerra e Caetano em fim

Francis Hime é dos maiorais

Edu Lobo e Vinícius de Moraes

Canta Chico Buarque e Toquinho

Queremos escutar mais um pouquinho

Tua canção virou nosso alimento.

Eu sozinho escuto todo momento

E comento aqui com meu vizinho.

 

Chico nunca cantou com Gonzagão

Mas em “PARATODOS” falou aberto

Diz que: “Luiz Gonzaga é tiro certo”

Exaltou o cantor do meu Sertão

E Luiz Gonzaga Rei do Baião

Lembrou Chico Buarque de Holanda

A lembrança talvez um pouco branda

Mas a canção ficou uma gracinha.

Gonzagão em “Coreto da Pracinha”

Lembrou dele e fez menção a “Banda.”

 

É milagre da tecnologia

Juntar Chico Buarque e Gonzagão

Esse dois cantando a “PROCISSÃO”

Quem é fã desses dois sente alegria

Eu já vi os dois em fotografia

Luiz Gonzaga cantor exuense

Com o torcedor mor do Fluminense

Nosso Chico é o maior tricolor.

Sendo só torcedor ou jogador

Em qualquer gramado ele convence.

 

Chico é um cidadão exemplar

Politicamente sabe o que diz

Participa da vida do país

Suas composições podem mostrar

Seu viver, seu compor e seu cantar

É destaque na área musical

Na arte literária é maioral

Ele é um marco de nossa história.

Bené sabe de sua trajetória

Esse Chico no mundo é moral.

 

O Chico Buarque foi festejado

No Sambódromo da Sapucaí

O mundo todo pode conferir

Ali ele foi homenageado

Pela Mangueira  foi ovacionado

Já em SAMPA foi outra premiação

Ganhou o título de cidadão

Além de Carioca, ele é Paulista.

É merecedor esse nosso artista

O Brasil tem por ele gratidão.

 

O cordel já tinha essa demanda

O poeta resolveu contemplar

Sobre Chico eu posso versejar

Pois na MPB o cara manda

O cantor Chico Buarque de Holanda

Personagem ativo da história

Um gigante com grande trajetória

Toda glória ele fez por merecer.

Somos contemporâneos desse ser

Sei dizer tudo que está na memória.

 

Esse nosso cantor é magnífico

Chico é um gênio tão fabuloso

É fantástico e é talentoso

Tudo de bom eu encontro em Chico

É narrativo, épico e lírico

Ele também consegue ser dramático

Muitas vezes ele é enigmático

É enfático em tudo que diz.

Eu sou fã, sou fanático e feliz

Chico Buarque é um cantor didático.

 

Sou somente um pequeno menestrel

Faço versos e rimas e declamo

No folheto apenas digo que amo

Toda canção de Chico é nobel

Agradeço a quem ler este cordel

Se eu tivesse pincel eu pintaria

Se houvesse um painel também faria

Prevalecer a minha opinião.

Chico Buarque é de coração

Que o poeta fez essa apologia.

 

Salve, Chico Buarque! Digo aqui

Independente de opiniões

O fã clube dele tem mil razões

São milhões para cantar e seguir

O cordel eu consegui produzir

Depois de ouvir admiradores

Entre atores, amadores e doutores

Sua música tem repercussão.

Cada um tem no peito uma canção

Que cantando expressam seus valores.

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!