Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Coluna do Cordel: Rodrigo Pinheiro
18/05/2022 06:53 em Coluna do Cordel

Autor: IVALDO BATISTA

Visite a Coluna do Cordel - CLIQUE AQUI!  

Por obséquio meu povo

Do chão do maior São João

Preste atenção aos versos

Que faço de um cidadão

Vice-prefeito no pleito

Agora é o prefeito

O filho de Pinheirão.

 

Caruaru meu torrão

Da feira e do sacoleiro

Da rendeira, do artesão

Do forró, do violeiro

Agora esta cidade

Dá uma oportunidade

Ao seu Rodrigo Pinheiro.

 

Falo desse brasileiro

Nascido em 12 de agosto

Do ano oitenta e um (1981)

Um ser humano disposto

Filho de Caruaru

Nas terras de Zé tatu

Ocupa o mais alto posto.

 

O povo daqui faz gosto

Escutando ele falar

Rodrigo é atencioso

Está no gosto popular

Escuta opiniões

E com as instituições

Ele sabe dialogar.

 

Preciso aqui falar

De sua identidade

Rodrigo nasceu aqui

E vive nesta cidade

Caruaru vê seu filho

Ser coroado de brilho

Sendo uma autoridade.

 

Com grande felicidade

Já me dou por satisfeito

Por vê Rodrigo Pinheiro

Gozar de alto conceito 

Na capital do forró

De modo algum está só

Estamos com o prefeito.

 

Seu Rodrigo eu respeito

Não é um atrevimento

Neste folheto eu fiz

Só esse levantamento

Para poder declinar

E o povo espalhar

Com o seu consentimento.

 

Sobre o seu nascimento

Vi seu pai na certidão

José Pinheiro dos Santos

Filho, que é Pinheirão

Tua mãe Mércia Maria

Aos dois trouxestes alegria

Rebento do coração.

 

Rodrigo tem um irmão

Felipe Anselmo Pinheiro

Dos Santos que é mais novo

Pois nasceu por derradeiro

Os dois foram bem criados

Pelos seus pais educados

Rodrigo veio primeiro.

 

Tem um tio conselheiro

Achegado feito um irmão

Marco Antônio Anselmo

De Moura é amigão

Famoso radialista

Marco Moura numa lista 

De amigos é campeão.

 

Falando da formação

Onde Rodrigo estudou

Lembro lá do Montessori

Um professor me falou

Também no Diocesano

Esse bom pernambucano

Seu estudo completou.

 

A vida continuou

Foi um universitário

Mas a vida convocou

Ao ramo imobiliário

Depois que seu pai morreu

Rodrigo lhe sucedeu

Tornou-se um empresário.

 

Ligado a este cenário

Rodrigo Pinheiro vai

A “Pinheiro Imóveis” era

A empresa de seu pai

Que por ele foi herdada

E foi administrada

A empresa nunca cai.

 

A genética não trai

O sangue na veia corre

Qual pai Rodrigo Pinheiro

Em sua missão percorre

Na política pra gente

O cabra é inteligente

O povo a ele recorre.

 

Ouvindo quando discorre

Lembro quando foi eleito

Entrando na prefeitura

No cargo Vice-prefeito

Mas em 31 de março

Rodrigo deu mais um passo

Foi empossado prefeito.

 

É de fato e direito

Foi neste ano eu lembro

No poder legislativo

Lá na 15 de Novembro

Nossa Senhora das Dores

Viu quando os vereadores

Deu posse a ele relembro.

 

Jorge Quintino um membro

Do poder legislativo

Um vereador dinâmico

Amigo e prestativo

Disse-me todo empolgado

Rodrigo tem trabalhado

É um prefeito ativo.

 

Rodrigo já deu motivos

Pra o povo confiar

Há quarenta e oito dias

No cargo ele está

Já mostrou tanto otimismo

E todo seu dinamismo

Tá botando pra torar. 

 

Dá pra o povo notar 

A sua disposição

Seu total envolvimento

Comandando seu torrão

“Fi de peixe, peixim é”

Nas terras de Zé Condé

Rodrigo está em ação.

 

Sua comunicação

Revela simplicidade

Rodrigo vai governando

Assim a nossa cidade

Gestor que planeja e cobra

Caruaru toca obra

Rodrigo é celeridade.

 

Com sua agilidade

Viu tanta coisa emperrada

Obras que o povo via

Parecia abandonada

Hoje está em andamento

O povo vê no momento

A obra ser retomada.

 

Caruaru tão amada

Festejada neste dia

Cento e sessenta e cinco

Anos de pura alegria

Dia 18 de maio

Pra Rodrigo num balaio

Trouxe versos de poesia.

 

Um amigo que confia

E nele estou respaldado 

O folheto que apresento

Por ele encomendado.

Foi Jorge teu menestrel

Que disse: faça um cordel

Ao meu amigo estimado.

 

O cordel está encerrado

Jorge Quintino cobrou

O amigo de Rodrigo

Anderson colaborou

As informações prestadas

Em estrofes transformadas

Sou grato a quem escutou.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!