Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Almir Rouche: a nova geração do frevo pernambucano
07/05/2020 00:26 em Carnaval de Pernambuco

Aos 10 anos de idade ele estudou música, teoria e prática, e, logo em seguida participou de um festival, classificando-se em primeiro lugar cantando um fado de Roberto Leal. No ano seguinte, no mesmo festival, voltou a conquistar a primeira colocação desta feita cantando o samba “O Mar Serenou”, de Clara Nunes. Isso aconteceu em São Paulo, onde foi passar alguns anos levado pela avó.  

Retornando a Pernambuco o garoto Almir Cavalcanti de Lima voltou a morar em Igarassu, município onde nasceu em 03 de abril de 1969, e onde continuou fazendo o que gostava de fazer: cantar. Foi quando ele foi convidado a integrar a Banda Diplomata. Sem saber ao certo o repertório do grupo Almir passou a ouvir gravações da banda americana Rush, da qual aprendeu a cantar algumas de suas musicas.  

Ganhou o sobrenome e passou a ser chamado Almir Rush, que ele próprio abrasileirou para Rouche.  Em seguida, integrou a Banda Status, também de Igarassu. Em 1986, recebeu convite para integrar a Turma do Pingüim, um trio elétrico contratado pela Cervejaria Antarctica para fazer shows pelo Nordeste e durante o Carnaval.  

Daí em diante, a carreira artística de Almir Rocuhe foi conquistando novos horizontes.  A Televisão e o Rádio lhe abriram as portas, ampliando seu contingente de admiradores, até que compôs o frevo “Galo eu te amo” e então ganhou cadeira cativa nos monumentais desfiles do Galo da Madrugada. 

Almir Rouche já foi Secretário de Turismo, Cultura e Esportes de Igarassu, cargo que ocupou com a simples finalidade de ajudar a cidade onde nasceu.  De política ele não quer saber mais. Continuou fazendo de sua carreira de cantor e empresário artístico o motivo maior de sua existência.            

Almir Rouche gosta de Carnaval, tem inúmeros frevos em seu repertório, mas também aprecia o forró. Admira Luiz Gonzaga, Jackson do Pandeiro, Jacinto Silva e Trio Nordestino.  Para ele, a qualidade da musica não depende do ritmo.  O repertório, a repercussão de seus shows, e o jeito simples de se comunicar com o publico tornaram Almir Rouche um artista da nova geração admirado em todo o Nordeste.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!