Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Trajetória de Quixabeira e o Trio Mandacaru
30/03/2016 10:28 em Notícias

No dia 05 de Agosto de 1937 na zona da mata sul, mais precisamente na cidade de Escada à 70 Km de Recife, nascia Gilberto Bezerra dos Santos que mais tarde se popularizava Quixabeira, um dos maiores sanfoneiros que esse Brasil Viria à conhecer. 

Ainda menino aos 07 anos interesou-se pelo o cavaquinho onde alguns anos depois com 13 ganharia em primeiro lugar num concurso na Rádio Jornal do Commercio, e tomando amor pela música aos 16 anos resolveu aprender acordeon, e aos 17 já era um bom sanfoneiro e através do seu dom foi convidado para ir à São Paulo na década de 50, para partícipar das filmagens da primeira versão do filme Gangaceiro ainda em Preto e branco, com autorização por escrito da sua mãe ele foi ao estado de São Paulo e depois à Brasília, onde partícipou da inauguração da capital brasileira, voltando à Pernambuco já com fama de bom sanfoneiro conheceu Genival Lacerda, tornado-se assim seu primeiro sanfoneiro e também motorista, participou de vários programas de Rádio onde conheceu e teve a honra de tocar junto à Caçulinha, fez parte do extinto grupo Limoeiro e seus Jagunços, foi sanfoneiro também da rainha do xaxado Marinês e de sua irmã Marinalva, chegou a alegrar nossas tardes nos saudosos progarmas Jorge Shaw, Paulo Marques e Jota Ferreira. 

Na década de 80 foi convidado novamente para ir à São Paulo trabalhar na campanha de Fernando Henrique Cardoso que naquele ano concorria à Prefeito de São Paulo o qual perdeu para Jânio Quadros, ainda lá participou das diretas já, trabalhou para o saudoso e então eleito presidente da República Tancredo Neves, retornando à Recife reativou a sua banda Quixabeira e Banda Mandacrú onde tocou por anos no extinto Cavalo Dourado, no também extinto Forró do Nautico, Drivin Channel no Derby,  nas décadas de 80 e 90 era presença constante na exposição dos animais do parque do Cordeiro onde dividia o palco com grandes nomes da época como: Elba Ramalho, Dominguinhos, o saudoso rei do baião Luiz Gonzaga, Sivuca, Trio Nordestino, Três do Nordeste entre outros...

Grandes nomes hoje em dia que começaram com ele também já faziam parte na época como: Novinho da Paraíba, Raminho do Acordeon, Geraldinho Lins entre outros... Quixabeira é mémoria viva de Pernambuco, divulgou o nosso forró pe de serra, a nossa cultura Pernambucana e nordestina por esse Brasil à fora. Hoje seus filhos dão continuidade junto com Quixabeira ao que foi começado mais de 70 anos atrás.

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!