CD: Carnaval Brasileiro - As 22 mais de Jota Michiles
29/01/2018 10:09 em Lançamentos

Consagrado compositor pernambucano, nascido na cidade do Recife, Jota Michiles é formado em História e autor de sucessos antológicos que fazem parte do Carnaval do Estado. Celebrando 50 anos de música, de uma trajetória iniciada no Rio de Janeiro, em plena Jovem Guarda, quando gravou a canção “Não Quero que Chores” com o grupo Vocal The Golden Boys, na famosa gravadora Odeon, Michiles representa a essência do Frevo, ritmo que contagia desde os primeiros acordes.

Ainda na década de 1960, venceu o concurso Uma Canção para o Recife, instituído pela prefeitura da cidade, com a marcha “Recife Manhã de Sol”. Michiles concorreu com os mais consagrados compositores daquele momento: Capiba, Nelson Ferreira, Aldemar Paiva. Atualmente, ele tem mais de 100 letras registradas na União Brasileira de Compositores (UBC).

Mas foi a partir do Carnaval 1986, com o hit “Bom Demais”, eternizado na voz de Alceu Valença, que o nome de Jota Michiles virou sinônimo de Frevo. Ainda com Alceu a explodir as ladeiras de Olinda, emplacou “Me Segura Senão Eu Caio” (1987), “Diabo Loiro” (1995), “Roda e Avisa” (1999) - homenagem a Chacrinha, em parceria com Edson Rodrigues, e “Vampira” (2007). O saudoso Abelardo Barbosa – Chacrinha - recebeu, inclusive, o troféu Galo de Ouro, em 1985.

Artista de todo o Brasil já gravaram sucessos de Michiles como Geraldo Azevedo com a música “Pernas pra que te Quero”, Chico César com “Recife Nagô”, Maria Bethânia com “Recife Manhã de Sol”, Daniela Mercury com “Saudando o Brasil”, Fafá de Belém com “Fazendo Fumaça”, Amelinha e Nádia Maia com “Espelho Doido”, e muitos outros. Em 2015, o compositor venceu o 10º Festival de Marchinhas, no Rio de Janeiro, com a música Adoro Celulite, em parceria com Gustavo Krause.

Em 2017 o compositor registrou no currículo a alegria de ser homenageado pelo clube de máscaras. “O Galo da Madrugada é a bandeira de maior referência do Carnaval. Uma explosão de riqueza musical e cultural do nosso Recife. Ser homenageado por este gigante galo carnavalesco, nesses meus 50 anos de atividade musical, é honrosamente gratificante. Me sinto muito feliz em ver meu nome sendo levado aos quatro cantos do Brasil”, ressalta Jota Michiles.

Agora em 2018, é o homenageado do Carnaval do Recife.

 

 

BAIXE AQUI: https://www.suamusica.com.br/Forrozeirospenafolia/carnaval-brasileiro-as-22-mais-de-jota-michilesb

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!